Translate

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Meu avô


Elegância não está apenas no gênero. Pode estar nos fins.
Meu avô falava 7 línguas e estudava todas as noites em sua sala de leituras. Era simples com homens e complicado demais para si mesmo. Digo isto por intuição e pela soma do que ouvi falar dele. Sua vanguarda era pessoal, não há dividia com ninguém e criou de modo que um dia, encontrando um dos meus conhecidos da cidade de Baixo Guandu - ES; em Vitória - ES;  perguntei se ele tinha ido recentemente a Baixo Guandu. Sua resposta foi um sorriso e depois disse: Baixo Guandu sem o seu avô não existe para mim. Ele foi a consciência daquele lugar e o pior é que hoje em dia, a política o desmerece e o desconhece, botando como galinhas, outras galinhas em seu lugar. __ Não me interesso mais pelo lugar! Disse ele. 


Esta é a foto da usina de luz que ele construiu so$zin$ho, com a esperança de obter recursos que nunca chegaram.  




Minha tia Margaret conta que meu avô foi categórico ao ver o projeto da ponte: Vai ser levada pelo rio.



Esta é a foto do dia em que a ponte foi levada.


  


Apagão

Risco maior é o de se criticar o apagão, palavra chave contra o governo de Fernando Henrique Cardoso, que tanto faz vergonha aos ptralhas. Tudo o que foi organizado por FHC está sendo sistematicamente dilapidado, canibalizado.

Estrategicamente a Dilms declarou que a conta de luz iria baixar até 20%; e que assim a produção iria crescer e etc. e tal. Ora, a incoerência de tal desmando não tem sequer um refugio, pois os apagões se sucedem para o desespero das pessoas e tudo que diz a mulher maravilha se resume a declarações aleatórias, que reduzem os apagões a simples defeitos, causados por falha humana, etc. etc. etc. Reage essa sombria senhora, assumindo a cara de pau do seu antecessor para proferir mazelas douradas  às pressas diante dos apagões, com uma série de frases guardadas a espera e, mais, de acordo com o acontecido.

Por outro lado, o povo cansado de pagar um custo tão alto pela energia consumida, vê com bons olhos a promessa de diminuição de uma conta que não deveria ser tão alta. Tal medida, vem para diminuir os cuidados das concessionarias de energia com seu produto final e, vem em forma de +,+, +, apagões. É a forma de protesto, de se fazerem ouvir, senão pelo governo, pelo menos pela população. Porém, um governo insano e cretino como esse, passará ao povo, que a culpa (como sempre) não é dele e sim (???) do governo de FHC? Quem irão culpar? Quanto a isto a preocupação é pequena, pois a quadrilha joga com a certeza de que tudo o que fazem é aplaudido por seu povo, o mesmo povo que ainda é obrigado por lei a votar em pleno SÉC XXI.

As reações abafadas das concessionarias me faz lembrar da quebra dos vidros do palácio do Planalto nas comemorações de 7 de setembro retrasado, quando os jatos deram seu "Ila" em voos rasantes que tão bem são conhecidos de todos os pilotos de tais aviões. O pt não pode mesmo se desfazer de seus membros, tendo em vista que os mesmos funcionam como parte de uma brigada que sabem de muita sujeira - em forma de uma grande corrente e, que não pode ser quebrada, sob pena de ser, o partido como um todo, irreversivelmente desmascarado. Aliás, hoje eu li alguma coisa dizendo que o Ministério Público está pedindo a quebra do sigilo bancário do petralha maior, o chefão. 

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Mercury 1949




Repare que esta maravilha da conservação é simplesmente atualíssimo em seu Design, criado há 60 anos atras e exclusivo, porque o seu projeto foi logo abandonado e os Mercury, seguiram outro curso pelos anos que se seguiram. Para comprovar isto basta pesquisar a história dos Mercury no Link a seguir.


Esse é um BMW 2012. O Design é o mesmo. 


http://www.cars-on-line.com/mercury.html

Os Links a seguir servem para se apreciar alguns Mercury Coupe 49

 http://www.cars-on-line.com/63147.html

Mercury Coupe 1950 - branco atualizado - Vidros elétricos / Volante atualizado / Ar condicionado / Retrovisores modernos / Encosto de cabeça / Cintos de segurança diagonais.



Mercury 1949 - uma série de fotos maravilhosas.

http://www.gatewayclassiccars.com/displaycar.php?stock=5241&location=STL

Mais Mercury

http://www.cars-on-line.com/63681.html


Os carros modernos perderam a personalização e escondem seus ocupantes com vidros escuros e sistematicamente fechados. Reparem os Mercury Coupe 49 / 50. Eles têm o Design dos carros modernos, numa prévia mais do que exata a respeito do que viria a ser o carro moderno. Seu desenho é mais acentuado do que os atuais modelos, mas uma extraordinária visão de seus criadores.

Alan Jackson e outros dão uma cobertura para se ver os Mercury - Grande som do country americano.

https://www.youtube.com/watch?v=kMyCvGCUZLA

https://www.youtube.com/watch?v=3T3MgIRUwj0

https://www.youtube.com/watch?v=95BwLrPtguQ

https://www.youtube.com/watch?v=evlxwkZWE3U

https://www.youtube.com/watch?v=CJdUAdnbpMI

https://www.youtube.com/watch?v=axS8s2NIRIY&list=PL2CF93886132B9137

  






domingo, 23 de dezembro de 2012

Lei molhada

Impressionante como as pessoas chegam molhadas na lei seca. A outra lei, a que molha o cara por dentro... A que da uma autoridade e uma notoriedade também ao indivíduo, embora que momentânea, a que se encerra com a caída da ficha na delegacia e na perda do direito de dirigir, tem poder. Tem o poder de transformar um pacato cidadão em cavaleiro do seu próprio destino, transformando o tal pacato em... Potencial assassino, que assumiu o risco, que desprendeu-se da responsabilidade social vigente, que esqueceu-se de toda a sua construção emocional e patrimonial, em função, pasmem, de dirigir alcoolizado.

Por quê? Porquê uma pessoa assume esse risco, o risco de ser apanhado, o risco de atropelar, bater em outro carro... de morrer, de matar? Não é pouca coisa! Não! É muito sério, é como sair de casa armado, sem intenção de atirar, mas armado e, ao ingerir bebida alcoólica ficar a mercê de seu alter ego. que reage por estímulo exterior, que foge do controle do raciocínio lógico.

Pessoas de bem, que trabalham duro pra ter fon fon, que cuidam da moral de sua própria família, um belo dia aparecem numa reportagem, falando mole, querendo mentir sobre a dosagem de sua própria alcoolização e isto não é nada bonito. Não é bonito ser visto por um filho, pela mulher, pelos amigos... Espera! Amigos não, eles provavelmente estejam em outra blitz, com os mesmos problemas, ou não, talvez os amigos mais espertos tenham seguido de táxi e, que talvez nem sejam tão amigos assim. Eu, sinceramente nunca me dei bem com amigos de copo. Sempre me dei foi mal, em tudo por tudo. Mas, não estamos aqui para discutir, apenas para alertar, que a polícia gosta disto, de encontrar o peixe, assim como qualquer um de nós gosta do resultado do próprio trabalho e será mentira de todo àquele que negar isto. O policial nunca estará para ouvir estória de bêbado, principalmente aqueles mais idiotizados pelo álcool.
Hoje em dia a pior coisa que se pode fazer é beber e dirigir. Não é mais como antes, que não havia muito o que fazer com o bêbado ao volante. No máximo, obrigava-se o infrator a ficar no carro até melhorar, isto dependendo de onde o tal fosse apanhado. Numa blitz, pasmem, o tal era muitas vezes liberado para seguir, justamente porque não havia lei para bêbado.

Ouça um bom conselho. Que eu lhe dou de graça. Inútil dormir que a dor não passa.